Tendências-em-marketing-digital - Blog da Social Miner

Tendências em marketing digital além do Email Marketing

Ano novo começando, é sempre hora de aproveitar a motivação das baterias recarregadas para rever as estratégias e dar aquele gás nas novas ideias.

Nas últimas décadas, é inegável que a tecnologia vem avançando de maneira muito rápida e o impacto disso no nosso dia a dia fica cada vez mais evidente.

Quem trabalha no varejo online sabe muito bem que é preciso estar sempre atendo às novas tendências e possibilidades para não ficar pra trás e conseguir se destacar em meio à concorrência.

Pra te ajudar a se preparar para ter um 2018 com muitos resultados, otimizando os seus esforços e investimentos, separamos uma lista de tendências em marketing digital que podem se transformar em estratégias fora da caixa para fazer o seu negócio decolar! Preparado para conhecê-las?

#1 Inteligência artificial e marketing humanizado caminhando juntos

Se você já usa soluções de marketing (como as da Social Miner) que explorem a inteligência artificial, já tem informações muito estratégicas sobre os seus clientes e leads em um banco de dados.

São padrões de navegação, histórico de pesquisa, compras e preferências de conteúdo que você provavelmente já usa para traçar perfis de clientes e estratégias de marketing humanizado, trabalhando com mensagens super personalizadas.

Além disso, os softwares já estão começando a tomar decisões estratégicas de marketing e fazem isso muito melhor que qualquer ser humaninho. Com o uso de algoritmos, é possível analisar e cruzar diferentes dados para construir segmentos, iniciar e parar campanhas em vários canais de maneira automática, por exemplo.

Tudo isso vai fazer com que os clientes criem a percepção de que todo o seu marketing foi pensado para atender as suas necessidades específicas, sem as generalizações que costumam fazer a grande maioria dos emails marketing comerciais que recebemos parem no spam.  

É simples: a Inteligência Artificial é tão assertiva e efetiva porque nada pode ser melhor do que quando o próprio consumidor lhe diz o que quer através das ações que ele toma. Saber interpretar e traços ações a partir desses dados é certeza de sucesso.

Melhor ainda é que por meio do Machine Learning, os algoritmos aprendem a partir das informações imputadas e vão adquirindo cada vez mais conhecimento de acordo com o tempo de uso. Ou seja: o seu marketing tende a ficar cada vez mais certeiro.

#2 Uso de Chatbots

Ainda falando de Inteligência Artificial, o uso de chatbots é uma ótima alternativa para otimizar os processos da sua loja, agilizar o atendimento ao consumidor, e assim, vender mais.

Algumas pessoas podem se assustar ao ouvir o termo chatbot, porque acreditam que ter um robô fazendo o que um ser humano poderia fazer pode acabar resultando em uma experiência artificial, nada personalizada e fria para os consumidores.

Mas na verdade, os chatbots podem potencializar a qualidade do seu atendimento: eles não fazem o cliente esperar, sempre irão usar a linguagem que você quiser e a cada interação ele sabe mais sobre o cliente (e não se esquece do que aprendeu).

Ah, e ele também não aparece pra trabalhar cansado e nem de mau humor, mesmo que seja 19h de uma sexta! Que tal experimentar?

#3 Poder dos Influenciadores Digitais

Aproximadamente 95% dos comerciantes que usam uma estratégia de marketing com influenciadores digitais acreditam que ela é eficaz. Isso porque eles são capazes de criar conteúdo atraente e que, em muitos casos, parece até ser orgânico.

Os consumidores, especialmente os mais jovens, preferem se engajar com um conteúdo mais natural e sutil.

O uso dos influenciadores tem crescido em popularidade nos últimos anos, com novos e diferentes tipos de marcas adotando este tipo de marketing.

De acordo com a Inc.com, 84% dos profissionais da área executaram pelo menos uma campanha com influenciadores durante 2017 e a cada US$ 1 investido, ganharam US$ 6,50.

As marcas de roupas e beleza já têm grande sucesso com o uso de micro influenciadores e grandes celebridades há algum tempo, mas agora negócios de outros segmentos como Amazon estão entrando nesta jogada.

A Amazon criou uma oportunidade para os influenciadores dentro do seu site: é possível que eles construam uma página com uma URL personalizada para mostrar aos seus seguidores os produtos que eles recomendam. A partir das compras feitas pelo link, eles ganham uma comissão.

Para saber mais sobre essa estratégia, clique aqui e confira o artigo “Usar influenciadores: como fazer isso certo!”.

#4 Conteúdo em vídeo

Produzir conteúdo em vídeo significa começar a gerar muitas oportunidades. Para te mostrar o tamanho do universo que você pode atingir, separamos alguns dados relevantes:

  • Segundo uma pesquisa realizada pela Cisco, a previsão é que até 2020, 82% de todo o tráfego da internet seja gerado por vídeos;
  • O crescimento do consumo de vídeos online tem se mantido em 25% anualmente;
  • De acordo com o eMarketer,  86% dos usuários de internet no Brasil já assistem vídeos online;
  • Em uma pesquisa feita para uma grande varejista, 90% das pessoas afirmou que assistir um vídeo sobre um produto foi essencial para a decisão de comprar online;
  • Dados levantados pela Media Button mostram que 85% das pessoas que assistem um vídeo sobre um produto afirmam ficar mais propensas a comprá-lo.

Viu só o poder que este deste tipo de conteúdo? Independentemente do segmento em que você atua, investir tempo e recursos para pensar em uma estratégia efetiva de produção de vídeos é essencial para conseguir se destacar.

É claro que tem um conteúdo comercial é importante, mas também pense em vídeos com temas que sejam interessante para o seu público e não necessariamente feitos para vender.

Usar os influenciadores para comandar os seus vídeos pode ser uma excelente estratégia para gerar ainda mais identificação com os consumidores e ganhar credibilidade. 😉

#5 Marketing humanizado

Criar campanhas realmente personalizadas e one-to-one, já passou a ser fundamental para as empresas que querem ocupar um lugar único na mente dos consumidores.  

Agora já está na hora de começar a usar o People Marketing para ir além do marketing humanizado, centralizando as estratégias digitais do seu eCommerce totalmente nas pessoas, não as tratando como simples usuários ou como números no Google Analytics.

A ideia desta estratégia é reunir os princípios de personalização do marketing humanizado, misturando storytelling com inteligência artificial e usando big data para deixar as ações de comunicação ainda mais assertivas.

Agora que você já sabe quais são as tendências em marketing digital para além do email marketing, não tem mais desculpa para ficar pra trás!

Bora colocar tudo isso em prática? Vem conhecer como podemos te ajudar, se precisar de uma ajudinha é só agendar um bate papo com nossos especialistas. 🙂

Fale com nossos especialistas ➤

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *