Quiz LGPD: veja se sua empresa está arriscando perder a base de dados

Responda o quiz e descubra se seu negócio está de acordo com a nova lei de proteção de dados (LGPD)

Com certeza você ouviu falar sobre a nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Ela prevê uma série de normas para organizações que recolhem e tratam dados pessoais. E mais: afeta diretamente a operação de sites e e-commerces, já sendo muito discutida – seja na mídia ou no mercado. Sua empresa já está pronta para essas mudanças?

E do que ela trata?

Inspirada na General Data Protection Regulation (GDPR), da União Europeia, a regulamentação brasileira passa a exigir mais transparência por parte das empresas, especialmente quanto ao tipo de dados que são coletados dos usuários, para que finalidade e por quanto tempo eles ficarão armazenados.

E mais: os usuários, titulares dos dados colhidos pelas organizações, passam a ter segurança jurídica e a poder solicitar, por exemplo, a edição, atualização ou exclusão das suas informações da base das empresas, entre outros direitos.

As companhias, por sua vez, precisam ter a garantia do consentimento específico dos usuários para que possam tratar dados. Não à toa, Políticas de Privacidade e Cookies vem sido atualizadas e notificações que avisam sobre cookies vem multiplicando nos sites mais sérios, que já se preparam para as mudanças.

Mas, e a sua empresa, fornecedores e parceiros: estão todos prontos para as normas que a LGPD traz?

Calma! Não precisa sair correndo atrás do seu advogado. O primeiro passo é fazer um diagnóstico do cenário atual do seu negócio em relação a LGPD. Para te ajudar a gente preparou um quiz super completo, abordando os principais pontos da nova lei.

Quero fazer o teste 🙂

E quais são as consequências para quem não respeitar a LGPD?

Bem, além de posicionar sua empresa como uma marca que não respeita a privacidade dos seus consumidores, as multas podem chegar a 50 milhões de reais por infração. E a organização ainda pode ser obrigada a excluir toda a sua base de dados. Ou seja: melhor não deixar o assunto para depois.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *