Ações criativas para o Dia das Mães inove nas campanhas e performance

Como inovar nas campanhas de performance de Dia das Mães?

Datas comemorativas são sempre uma excelente oportunidade para alavancar os resultados do e-commerce. Durante o Dia das Mães de 2019, por exemplo, o setor registrou 5,5 milhões de pedidos e faturou R$2,2 bilhões

No ano anterior, em 2018, foram 4,6 milhões de pedidos, representando um faturamento de R$2,11 bilhões para o varejo virtual, de acordo com dados da Ebit|Nielsen. Coisa pra caramba, né?

E neste ano, como deve ser?

2020 tem sido um ano um tanto quanto… diferente. Com a pandemia do coronavírus e o consequente isolamento social como medida de prevenção, o tradicional almoço de domingo para comemorar a data não deve reunir a família toda.

Mas isso não quer dizer que ela vai passar em branco. Nem que vai faltar presente. Pelo menos é o que mostra nossa mais recente pesquisa de intenção de compra para o Dia das Mães, feita em parceria com o Opinion Box.

Ouvimos mais de 1100 consumidores, de todas as regiões do Brasil, para entender os impactos da crise na rotina das pessoas e como elas pretendiam passar este que é um dos principais eventos comerciais para o varejo.

E eu separei alguns highlights para você.

Vai ter comemoração, sim!

Apesar de uma pequena parcela de respondentes não ter intenção de celebrar a data (12,2%), especialmente em razão do isolamento social, 65,6% do público pretende comemorar o Dia das Mães, enquanto outros 22,2% ainda estão na dúvida.

Para programação, uma refeição especial — especialmente para quem mora junto —, um alô por telefone ou chamada de vídeo e presentes estão na lista. Os e-commerces, aliás, estão no foco dos consumidores.

Como as pessoas devem celebrar - Pesquisa Dia das Mães 2020

E por falar em presentes…

Se no ano passado os consumidores afirmaram ter dado preferência para itens de Beleza e Cosméticos, neste ano o foco passou a ser Moda e Acessórios.

Além disso, Floricultura, Casa e Decoração e Alimentos mostram ter crescido no interesse do público, em detrimento de Eletrônicos e Informática e Eletrodomésticos e Eletroportáteis, por exemplo — movimento provavelmente incentivado pela praticidade na entrega e economia frente à crise, com a opção por itens de ticket menor.

O que vão comprar - Pesquisa Dia das Mães 2020

E se você está se perguntando onde as pessoas devem ir às compras, eu te digo: a maioria (60,7%) diz preferir as lojas ou estabelecimentos que já conhece e tem o hábito de comprar.

Por quê? Porque confiam no qualidade dos produtos, na marca e nos preços.

Por que vão ser fiéis as mesmas lojas - Pesquisa Dia das Mães 2020

Porém, se o objetivo da sua empresa é conquistar o cliente da concorrência, a solução está no bolso: a oferta de “bons preços”.

O que faria com que comprassem em lojas diferentes - Pesquisa Dia das Mães 2020

E ainda dá tempo de fazer algo?

Enquanto dados da nossa base revelam que, em 2019, o pico de engajamento dos consumidores do Dia das Mães ocorreu de 5 a 6 dias da data…

Dados da base Social Miner revelam que, em 2019, o pico de engajamento dos consumidores do Dia das Mães ocorreu de 5 a 6 dias da data

…para 2020, muita gente disse que ia deixar a busca por ofertas para semana que antecede o evento.

Quando vão começar a pesquisar por ofertas - Pesquisa Dia das Mães 2020

Ou seja: ainda dá tempo de otimizar suas estratégias e até mesmo lançar novas campanhas. Quer algumas dicas?

Ações criativas para o Dia das Mães

Bom, independente do setor de atuação do seu negócio, o Dia das Mães é sempre uma data que exige campanhas com alto apelo emocional e poder de conexão.

E a nossa primeira dica é justamente sobre isso: alie ações de performance com uma campanha que mexa com as emoções.

E pode até parecer difícil. Mas um brainstorming com a sua equipe e uma análise de referências ajuda bastante na criação de um conceito legal.

Case de inspiração

Separamos o exemplo da Pandora que, na campanha “The Unique Connection”, mostrou como o vínculo entre mãe e filhos é poderoso e sem igual.

Como? Eles pediram para que os pequenos reconhecessem quem era a sua mãe através do toque. Dá o play pra conferir 😉

Com esse conceito e criação, o “lado branding” do Dia das Mães já estava muito bem resolvido. Mas como seria possível aliá-lo com ações de performance?

Pegamos, então, a mensagem principal dessa campanha — “só você conhece a sua mãe de verdade” — para criar ações focadas em conversão.

Captura de leads via Social Lightbox

As ações de branding colocam as marcas na frente e atraem muitas pessoas para o site. Foi isso o que aconteceu nesta ação da Pandora. Mas como garantir que esse volume de visitantes se conectasse com o site, transformando-se em novos leads?

A estratégia usada foi a aplicação do Social Lightbox — um canal de cadastro que resgata aquele usuário que está prestes a deixar o site, convidando para o cadastro via login no Facebook. Por ser um método rápido (em um clique o usuário já faz o sign up), a ferramenta é eficiente.

Social Lightbox é usado para aquisição de leads em campanha criativa da Pandora

E, ao se cadastrar, o usuário compartilha com a marca dados de perfil social — como nome, gênero, e-mail —, permite que seu comportamento de navegação e consumo seja acompanhado e amplia o leque de canais de comunicação, podendo receber notificações através de e-mail, push, entre outros.

Relacionamento via Notificações

Entendendo a origem dos seus leads e o seu comportamento dentro do site, a Pandora pôde se comunicar de forma personalizada com seus consumidores, enviando notificações relevantes para aqueles interessados em ofertas do Dia das Mães e aumentando as oportunidades de conversão.

Notificação é usada em campanha criativa da Pandora para o Dia das Mães

Ou seja: quando você junta toda a parte de branding e performance em uma mesma estratégia, é possível criar uma identidade única para suas campanhas — inclusive para aquelas voltadas para datas comerciais, como as do Dia das Mães.

Isso ajuda a reforçar o posicionamento da marca na mente do consumidor e, ao mesmo tempo, garantir que a parte comercial não fique de lado.

Mudanças no cenário – a crise do coronavírus

Você pode estar pensando “isso tudo funcionaria muito bem, se não fosse um pequeno detalhe: tudo mudou durante a crise do coronavírus”. E tem razão.

Mas a boa notícia é que os dados são uma fonte confiável, capazes de dar insights rápidos sobre o que funciona no mercado e tirar os times de performance do escuro.

E se o assunto é consumo, a gente pode dar uma mãozinha. Afinal, nosso histórico de campanhas é vasto e temos um time inteirinho dedicado à estas análises.

Por exemplo: para o nosso Guia de linguagem e estratégias para o Dia das Mães 2020, analisamos mais de 150 campanhas sazonais lançadas durante o evento do ano passado e identificamos tendências no comportamento do consumidor.

Com base nessas informações e em estudos de linguagem e comunicação empática para tempos de crise, chegamos a uma série de recomendações sobre os conteúdos e benefícios mais adequados para cada situação.

A comunicação certa para melhores resultados

Assim como observamos no case da Pandora, as emoções são um forte incentivo para o engajamento.

Por exemplo: as campanhas que possuíam apelo emocional apresentaram uma performance superior àquelas que não usaram o recurso, gerando um incremento médio de 12% na taxa de clique (CTR).

Inclusive, a maioria das campanhas criadas para a data utilizavam o termo “mãe” ou “mamãe”. E não é à toa: para a maioria das pessoas, a imagem da “mãe” é automaticamente atrelada a um sentimento positivo, capaz de criar um vínculo emocional e uma “boa impressão” em relação a mensagem.

Além disso, campanhas que possuíam apelo emocional somado a um benefício financeiro — aliando termos como “mãe”, “presente” e “especial” — registraram resultados ainda melhores, com incremento médio de 28% no CTR.

Exemplos de campanhas Dia das Mães 2020

Outras coisas que ainda dá tempo de fazer

Para te ajudar nessa fase de criação ou adaptação de campanhas, separamos algumas outras dicas, adequadas para o cenário.

  • Explore os recursos que você tem em mãos e que não exigem investimento. O Stories no Instagram é um bom exemplo. Reposte, por exemplo, uma citação de um cliente/influencer satisfeito, que está recomendando a sua marca. Assim você explora o “gatilho de prova social”, despertando aquele desejo inexplicável no consumidor de comprar determinado produto depois de ele ver que algumas pessoas estão comentando sobre ele…
  • Ajudar seu cliente na escolha de itens de qualidade é uma boa forma de gerar engajamento, satisfação e aumentar as chances de que a compra seja finalizada na sua loja. Então dá pra criar ações especiais, apresentando categorias específicas de produtos: os mais vendidos, os mais buscados, aqueles que estão dentro de uma faixa de preço, de acordo com as opções de tamanho… Dá para fazer uma vitrine no site, um post com várias imagens nas redes sociais, notificações que direcionam o consumidor para a seção.

Exemplo de campanhas Dia das Mães 2020

  • Muita gente esquece que, em algumas famílias, é um pai, tio ou irmão que faz o papel de mãe. Dá pra apresentar produtos direcionados para esse público, explorando um novo nicho do mercado 😉
  • Muitas pessoas estão comprando online pela primeira vez. Que tal tornar essa experiência mais familiar para elas? O contato pessoal e o auxílio de um especialista na escolha e compra de um presente, comum nas lojas físicas, pode ser replicada nos ambientes virtuais. Para isso, nossa dica é usar seus canais de comunicação dentro do site para direcionar os usuários para o contato direto com os vendedores via plataformas de atendimento, como WhatsApp. Lá elas poderão ter suporte e receber sugestões de produtos mais adequados às suas necessidades.

Exemplo de campanha Dia das Mães 2020

  • Invista em campanhas que, além de gerar vendas, podem te dar muita visibilidade e mídia espontânea. Que tal escrever uma carta a à mão para um grupo de clientes? Imagina só um e-commerce de produtos eletrônicos, enviando uma mensagem para a mãe de um gamer parabenizando-a pela data… Se o conteúdo for criativo, essa seria uma ação com um bom potencial de viralização, concorda?

Não tenho uma campanha de branding. E agora?

Se você não vai aproveitar o Dia das Mães para rodar uma campanha forte de posicionamento de marca e aquisição de novos clientes, o mais estratégico é focar no público conquistado anteriormente, que já faz parte da sua base.

  • Invista em ações para engajar sua base. Como você pode aquecer os leads e deixá-los prontos para comprar quando a oferta for feita?
  • Lembre que essa é uma época em que você pode ter uma pegada mais direta e promocional com a sua base. Aproveite esse momento especial de aumento de fluxo no site para anunciar suas melhores promoções.
  • Faça diferente: pode ser com uma comunicação mais humanizada, descontraída. Pode ser criando uma experiência com gamification, com um produto inovador… O importante é conseguir agregar valor para que o consumidor veja que a sua marca tem um algo a mais para oferecer.
  • Lance ofertas e campanhas que sejam relevantes para o cliente, e não apenas para você e pra sua área comercial 😉 Você mapeia o comportamento de navegação e consumo do seu cliente? Sabe do que ele gosta, que categorias anda pesquisando? Essa informação é ouro. Então não desvie e aposte naquilo que tem grandes chances de fazê-lo converter.

Notificações fazem parte de ações criativas para o Dia das Mães

Espero que esses dados e nossas dicas ajudem na estruturação ou otimização das suas campanhas para este Dia das Mães. E é sempre bom lembrar: se precisar de uma ajudinha para incrementar suas estratégias, estamos sempre à disposição!

Fale com um especialista 😉

Comments

comments

Um comentário em “Como inovar nas campanhas de performance de Dia das Mães?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *