Ideias criativas para campanhas da Black Friday

Aumento expressivo no tráfego, melhores taxas de conversão e um pico no faturamento. Por todos esses motivos não tem um varejista online que não goste da Black Friday.

Ao longo dos últimos anos, o poder dessa data promocional vem se consolidando cada vez mais. Mas para conseguir aproveitá-la da melhor maneira possível, é preciso estar preparado.

Continuar lendo Ideias criativas para campanhas da Black Friday

Afinal, o que Neuromarketing e pra que serve?

Desde a década de 90, a neurociência – a ciência que estuda o cérebro, tem se tornado cada vez mais importante para diversas áreas, como a medicina, a biologia, a psicologia, a educação e até mesmo o marketing.

Dessa shippada nasceu o neuromarketing, que usa tecnologias de neurociência para medir e tentar entender as respostas cerebrais a elementos de marketing.

Continuar lendo Afinal, o que Neuromarketing e pra que serve?

Guia definitivo de People Marketing

Fazer People Marketing é conseguir falar com seus leads e consumidores de forma pessoal e em escala para ganhar clientes fidelizados, alcançando resultados acima da média do mercado, como CTRs de campanhas superiores a 40% e taxas de conversão chegando aos 6%.

A metodologia é focada em identificar quem não está preparado para converter imediatamente com a sua marca e criar um relacionamento orgânico de longo prazo através de interações humanizadas e multicanais.

Continuar lendo Guia definitivo de People Marketing

As influências no comportamento do consumidor online

Nos primórdios das lojas virtuais, até dava pra ter bons resultados com aquelas táticas agressivas e generalistas de marketing. E-mail marketing, com ofertas genéricas, enviado pra toda base de e-mails e sem segmentação, anúncios que perseguiam o consumidor mesmo depois dele já ter feito a sua compra e por aí vai.

É quase surpreendente que as ações funcionassem e realmente se transformassem em vendas. Mas de uns tempos pra cá, as coisas vem mudando em uma velocidade absurda (e ainda bem!).

Continuar lendo As influências no comportamento do consumidor online

Qual a diferença entre Remarketing e People Marketing?

Você andou pesquisando o valor de uma passagem aérea pra curtir as próximas férias e, quase que instantaneamente, voos promocionais e outras promoções relacionadas ao destino começaram a popar nas suas redes sociais ou em anúncios de portais de notícias e do Gmail.

O objetivo do remarketing, seja ele bem feito ou não, é claro: aumentar a conversão e, consequentemente, as vendas.

Continuar lendo Qual a diferença entre Remarketing e People Marketing?

Como cadastrar mais usando Push Notification

Quer fazer parte do grupo que lidera as tendências mundiais do e-commerce e ainda melhoras as suas taxas de conversão de maneira orgânica?

Apostar em novas soluções que te permitam um relacionamento mais personalizado com seu público é a chave para aumentar a sustentabilidade do sue negócio e ainda se tornar uma marca querida.

Quer uma dica?

Dê uma atenção especial para as push notifications.

Continuar lendo Como cadastrar mais usando Push Notification

People Marketing para Recrutamento de Novos Talentos

Desde quando eu entrei na faculdade – e olha que isso faz um tempinho -, a história é a mesma. Você quer porque quer conseguir um estágio, ser aprovado em um processo trainee ou ser CLT naquela empresa dos sonhos.

Quando abre uma vaga na sua área, você fica felizão, envia o currículo e já acende umas velas pra ter alguma resposta, porque, cá entre nós, tem muita empresa que deixa os candidatos no vácuo total.

Continuar lendo People Marketing para Recrutamento de Novos Talentos

[Estudo Exclusivo] Resultado Dia dos Pais 2017

O Dia dos Pais já passou, mas agora é hora de analisar tudo que aconteceu pra descobrir como tirar o melhor resultado no ano que vem.

A gente analisou o comportamento de compra do consumidor brasileiro durante o período que antecede a data e juntou tudo nesse estudo.

Continuar lendo [Estudo Exclusivo] Resultado Dia dos Pais 2017

O bé-à-bá do People Marketing

De uns tempos pra cá, o consumidor se tornou muito mais consciente. Ele passou a pesquisar sobre produtos e serviços antes de comprá-los, comparar preços e a ser mais crítico com as publicidades que recebe.

Sem colocar panos quentes, a verdade é que hoje em dia o cliente não tolera mais marketing mal feito, ruim e que não tenha a ver com os seus interesses.

É por isso que é tão importante criar soluções que tenham foco no quinto P do marketing, aquele que ninguém nunca escutou falar ou que não faz parte do dia a dia das estratégias. O quinto P é o de Pessoas, o do People Marketing.

Continuar lendo O bé-à-bá do People Marketing